quinta-feira, 3 de agosto de 2006

Ponte de Lima - V

O símbolo, por excelência, de Ponte de Lima e que, aliás, lhe dá o nome é, sem sombra de dúvidas a ponte que atravessa o rio Lima.
É imprescindível para quem visita Ponte de Lima, passar a ponte e ver a vila a partir da outra margem que, aliás, também tem alguns pontos de interesse para visitar.
A ponte é formada por dois troços diferentes, um romano e outro medieval.
A construção da Ponte Romana data, provavelmente, do século I, visto por ele passar a via cuja construção teve início no tempo do Imperador Augusto.
A Ponte Medieval, de característica góticas, foi, provavelmente, concluída em 1370, integrando-se nas obras de fortificação da Vila, mandadas fazer pelo rei D. Pedro I, datando o calcetamento e a colocação de merlões de 1504, no reinado de D. Manuel I.
Originalmente era flanqueada por duas torres que foram demolidas por causa do tráfego, bem como grande parte do sistema defensivo da Vila.
A ponte Romana, de configuração muito simples, tem um tabuleiro rampante assente sobre sete arcos de volta inteira, não sendo todos visíveis. A ponte Gótica é formada por dezassete arcos quebrados, estando dois soterrados. Um outro foi destruído aquando das invasões francesas, para melhor defesa da Vila.
No centro desta ponte passava a divisão das dioceses de Braga e Tui.

2 comentários:

asn disse...

Belíssima fotografia!
Uma coisa que me tem trazido um tanto ou quanto "melindrado", digamos assim, é a falta de racções às fotografias que vamos publicando nos nossos blogs.
Onde está a coerência?
Uma boa imagem vale por mil palavras ou muito mais, quantas vezes!
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Obrigado pelo elogio à fotografia.
Cá em casa fez-se uma votação para escolher qual publicar: se esta, se uma outra onde se via a totalidade da ponte. Ganhou a primeira.
Um abraço.