quarta-feira, 26 de julho de 2006

O Nome das Coisas - XV (Ponte da Barca)

Iniciada a viagem para Norte a partir do Porto, escolheu-se como primeiro ponto de paragem a Vila de Ponte da Barca.

Ponte da Barca, em pleno coração do Alto Minho, deve o seu topónimo à "barca" que fazia a ligação entre as duas margens, e é a "ponte" construída em meados do séc. XV que lhe vai dar o nome de S. João de Ponte da Barca (1450).
As localidades que surgiram em locais onde havia barcas de passagem ou pontes que uniam as duas margens dos rios são comuns em Portugal (Ponte de Lima, onde iremos a seguir, e Barca de Alva, no Douro são disso exemplo).
O topónimo Ponte da Barca aparece pela primeira vez nas "inquirições" de 1220, sendo antes conhecida pelo nome de Terra da Nóbrega (ou Anóbrega). Mas já em 1050 se mencionaria um ponto de passagem da "Barca" no cruzamento da via dos peregrinos que, de Braga, demandavam a Santiago ou que, da Ribeira Lima, se dirigiam a Orense, pelo Lindoso.
Hoje é vila sede de concelho, cujo foral, concedido por D.Manuel, remonta a 1513.
Nesta bela vila come-se, em seu tempo, um excelente Arroz de Serrabulho acompanhado dos inevitáveis Rojões. Para acompanhar nada melhor que um verde tinto, de preferência, bebido por uma malga.

2 comentários:

Anónimo disse...

I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anónimo disse...

Really amazing! Useful information. All the best.
»