sábado, 4 de agosto de 2007

Então, até ao meu regresso...

Praia Fluvial do Mondego (Coimbra)
Praia Fluvial do Mondego (Coimbra) Praia Fluvial do Mondego (Coimbra)
Praia, algures por aí... Um bocado de desporto faz sempre bem

Só falta mesmo a cervejinha

A praia fluvial do Mondego, em Coimbra foi inaugurada a2 de Agosto de 1935 tendo sido a primeira praia fluvial portuguesa, construída por mão humana.

Custo total da obra: 60 contos (300 Euros). Não sei se houve derrapagens orçamentais, mas estes números, lidos a esta distância, têm piada.

A praia nasceu com espaço de convívio e recreio, numa altura em que a cidade perdia parte dos seus habitantes, pois os estudantes tinham regressado a casa para as férias grandes e uma parte importante dos seus habitantes não tinha posses económicas para ir a banhos, para a Figueira da Foz.

Nas margens e areal (em certos anos criava-se uma ilha de areia) abriram-se bares, esplanadas, restaurantes, alugavam-se toldos e chapéus de sol e ainda barcos de recreio. Havia ainda uma casa para mudar de roupa e uma bilheteira onde se comprava o bilhete que permitia o acesso a um passadiço de acesso à zona de banhos.
Em 1935, ano da inauguração, o encerramento aconteceu em Outubro.
Nos anos seguintes a praia foi ganhando imponência, até que, em 1947, já não foi erguida pois os custos haviam-se tornado exorbitantes.
Uma vez que a praia fluvial já não está a funcionar, fui obrigado mudar de poiso tendo escolhido uma praia à beira-mar plantada. (Conferir a 4ª fotografia, eu estou bem ao fundo e a 5ª, pois sou e que estou na canoa vermelha. Na sexta ainda não havia chegado ao bar.)

Por isso, meus amigos, vou estar uns dias ausente e longe destas lides de Internet, pelo que vos peço que me façam o favor de ser felizes nestes tempos mais próximos, que eu prometo esforçar-me também para atingir tal estado.

Um abraço e bem-haja a todos os que por aqui passam. E já agora boas férias.

16 comentários:

crisblog disse...

Tozé, quando é o seu aniversário?

Beijos.

Anónimo disse...

'
Carissimo,

Buena viaje hasta la Republica Dominicana... !
'

rascunhos disse...

Acho que fez uma excelente escolha.

Uma belas férias por aí e quando voltar tem sempre a opção da praia fluvial das Torres do Mondego ali à mão.

LOL


Cpts

Teresa David disse...

Grande contraste entre a praia amarelecida pelo tempo do Mondego e a outra que me parece nas Caraíbas (?) mas ambas, cada uma ao seu jeito, de uma beleza enorme.
Voltei a postar, após uma ausência de quase um mês, um tema com fotos que me é muito grato!
Bjs
TD

Jofre Alves disse...

Com franqueza, isto é um magnifico tesouro pela qualidade e valia das fotografias, a fazer crescer água na boca. Apreciei imenso. Boa semana.

Pitanga disse...

Boas férias e não te esqueças do bronzeador.

abraços

al cardoso disse...

Desejos para que sejam optimas e recuperadoras, essas merecidas ferias.
Ca ficamos a sua espera, entretanto vamos apreciando essas fotografias antigas, que nos tem brindado.

Um abraco do d'Algodres.

Sei que existes disse...

Ai que inveja!...
Boas férias! Diverte-te ao máximo!
Beijinhos

Professorinha disse...

E vais estar nessa praia chamada !algurs por aí"?... Ai que invejaaaaaaaaaaaaaa.....

Boas férias :)

Mikas disse...

É óptimo recordar ;-) e a preto e branco então vale mesmo a pena

Maria disse...

Não sei se ainda vou a tempo, mas... boas férias...

Um abraço

A COR DO MAR disse...

Tozé desejo que estejas a "descansar" bem ;))

Beijocas*

chanesco disse...

Caro Tozé

Votos de boas férias, suponho bem temperadas (a ver pelas fotos cada qual um documento histórico, mesmo as três últimas, de uma Coimbra depois do degelo).
Também eu irei gostar de um dia experimentar essa praia fluivial.

Um abraço Raiano

Carlos Ponte disse...

Tozé espero que as férias estejam a ser retemperadoras. A fazer fé nas imagens serão com certeza.
Um abraço

elsa nyny disse...

Voltei!!!!
O meu coração espera lá por ti!!!

Beijinhos!!!

asn disse...

Bem, então boas férias. Não quero ser agoirento mas os Deuses parece que andam de candeias às avessas connosco aqui na dimensão terrena.
Mas, haja fé e capacidade de adaptação às circunstâncias...
-
Decididamente não estou a ser nada positivo. Espero que seja só cá uma impressão esquisita.
BOAS FÉRIAS, que para a semana vou eu. Convém que o tempo se componha.
Um abraço
António