domingo, 13 de abril de 2008

Viagem à Corunha

Vigo (1.ª paragem)

Um brinde... com ostras

O Chocolate e os Churros

O pórtico da Catedral de Santiago

A PlazaMaria Pitta e o Ayuntamiento da Corunha

O despertar na Corunha

A praia do Riazor vista desde a Domus (Casa del Hombre)

A Domus (Casa del Hombre)

A Torre de Hércules e o Aquário Finisterrae (Casa dos Peces)

A tradição ainda continua a ser o que era.
O 12.º ano, mais uma vez, fez a sua viagem à Galiza.
Vigo, Santiago de Compostela e Corunha eram as cidades a visitar. Mercado da Pedra (onde comemos e alguns provaram ostras pela 1.ª vez), Catedral de Santiago e os museus da Corunha foram alguns lugares que tivemos o privilégio de visitar (e que tiveram o privilégio de nos receber!).
Mais uma vez os objectivos foram cumpridos, provando que é possível sair com alunos do 12.º ano para fazer coisas diferentes de Lloret del Mar.
O meu muito obrigado pelo convite.
P.S.: A música, como não podia deixar de ser, é da Galiza. Apresento-vos os Milladoiro, de Padrón, a terra dos pimentos. Espero que gostem.

37 comentários:

aminhapele disse...

Ainda bem que a tradição continua.
Que apetite me provocaram as ostras!!!
A música é linda.
Um abraço.

Cris Moreno disse...

LIDO...LINDO...LINDO...Caramba, que música...

Tozé vc está demais! Que prazer passar por aqui.

Beijinhos.
Boa semana.

Chauffeur Navarrus disse...

Ena... uma viagem e pêras... sem dúvida!

Em 2005, tinha a minha filhota mais velha 6 meses, e arranquei para Espanha para fazer uma semana de férias... mas umas férias diferentes... Nada marcado...

Ia parando nas cidades, via os preços de dois ou três hoteis, optava pelos melhores numa óptica preço-qualidade.

Assim passei por Salamanca, Madrir, Valladolid, Leon, Burgos, Oviedo, .... etc por aí fora.... até Corunha, onde fiquei impressionado com a dimensão dessa cidade... Lá jantei à marginal, naquela enorme baía... Passei depois por Santiago também e...regressei depois...

Curiosamente aprendi com essa viagem que, afinal, muito bem se vive em Espanha e que, talvez seja, neste momento, dos melhores países da Europa para se viver... Porquê? Por causa do custo de vida e por ser um país onde, apesar de tudo, têm hábitos que nos são mais "familiares" do que países como Inglaterra, Holanda, Belgica etc...

Fica um abraço e ... até breve

as-nunes disse...

Deve ter sido uma viagem em cheio. Na companhia dessa rapaziada do 12º ano ainda foi, com certeza, mais animada.
E as guloseimas e as ostras!...
Um abaraço
António

Tozé Franco disse...

Mesmo às 10 dez da manahã, que foi às horas a que as comemos, posso dizer-lhe que estavam uma maravilha.
O interessante é convencer os alunos a provar. Houve alguns que alinharam nas ostras, nos churros e nas tapas...então e não é que gostaram. Menos uns que foram comer hamburgueres.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Cris. Também gosto muito de música de influência céltica.
tenho vários Cd's deste grupo e ouçou-os com frequência.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Navarrus.
Gosto muito de Portugal, mas já aprendi a gostar de Espanha, das suas cidades, dos seus petiscos, das suas gentes.
Aliás deve ser por causa da minha costela espanhola (tinha um avô galego).
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá António.
As tapas são uma das minhas desgraças.
Como sempre, a rapaziada portou-se bem
Um abraço.

Flor disse...

Que delícia poder fazer uma viagem tão rica com seus alunos!
Que inveja! da boa, não da má, queria eu fazer isto com os meus.
Abraços, e ah! que ostras, parecem deliciosas, e os churros!

Pitanga Doce disse...

Gosto a tradição estudantil portuguesa. Isto faz muita falta aqui.

abraços em tarde de chuva

Cristina Seabra disse...

Querido Tó Zé

és um sortudo e feliz professor por vocação :)))- e vê-se logo que descendente de galegos :))))

Adorei a Galiza, só lá estive em 2002, mas deu para encher o olho de azul e de verde- por acaso foi um Verão bem agitado esse (ainda não havia FM, nem peso a mais!)
O chocolate quente e os churros...nham nham...Padron, além dos pimentos, é, se bem me lembro, terra de Rosália de Castro que bem deves conhecer- a poetisa/autora do canto de emigração que o Adriano tão bem cantou.
Quanto aos Milladoiro- são excelentes- conheci-os em 2001, no Festival José Afonso, no TAGV, em Coimbra -a propósito, ainda se realiza o evento?)
beijinhos e obg pelas tuas partilhas de bons momentos :) recordar também pode ser construtivo!

Professorinha disse...

Ai que saudades! Já lá estive... fui lá há dois anos... a minha mãe também foi e adorou... visitámos Santiago de Compostela... e essa primeira foto eu também tirei... e a Torre de Hercules...

Lindo...

al cardoso disse...

Que sorte tem o meu amigo em ter a Galiza ai a mao e eu aqui tao longe!

Lindas fotografias!

Um abracxo de amizade dalgodrense.

vania oliveira disse...

bem k saudades dessa viagem... ainda foi só a um ano e as saudades ja apertam...
é bom k os alunos do caic continuem aproveitar estas viagens e tudo o k voces lhe proporcionam... porque só quando acaba é k damos o verdadeiro valor...
corunha 4ever...
bjs
vânia

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá Amigo, belíssimas fotos... Um verdadeiro Paraíso, para ser fotografado e muito bem tiradas...
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Tozé Franco disse...

Olá Flor.
Goisto muito de fazer viagens de estudo com os alunos. A Corunha é muito bonita. As ostras e os churros estavam deliciosos.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Pitanga.
Aqui como se diz, a tradição ainda é (ou quase) o que era.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Cristina. Bem vinda.
A Galiza continua bela e os Milladoiro recomendam-se. Para al´+em dos churros e tapas.
Um grande abraço e tudo de bom para ti.

Tozé Franco disse...

Olá Professorinha.
Para a área de biologia (e não só), a Casa del Hombre é uma visita obrigatória.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Al.
É bom ter a Galiza aqui tão perto.
Hoje em dia estamos a 2 horas de carro.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Vânia.
O tempo passa mais ficam as recordações.
É bom recordar esses tempos e dar-lhes a importância devida para depois não nos lamentarmos por não termos aproveitado o sufiiciente.. Esperamos pela tua visita.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Fernanda.
A arte não é do artista, pois a paisagem é que é muito fotogénica.
Um abraço.

João disse...

Magnífica viagem, amigo Franco!
A excelente companhia de alunos que nos honram por sermos seus professores, de colegas com quem dá gosto partilhar outros espaços para além do Colégio e um país que, na companhia de um guia como o meu amigo, se desdobra em maravilhas para todos os sentidos, foram ingredientes para uns dias muito bem passados.
Mal dormidos, é verdade...mas muito gratificantes.
Abraço.

Akinogal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Tozé Franco disse...

Caro João:
Obrigado pelos elogios que, no entanto, devem ser partilhados por todos os que foram à Corunha (professores e alunos).
Um abraço.

Capriccio disse...

Fico muito feliz do Tozé ter ido a um passeio e cultural com alunos do 12º ano, e pelo que li portaran-se todos bem e sem excessos parabéns, tem sorte! Abraço :)

Sei que existes disse...

Desses 3 sítios, só conheço Santiago de Compostela,lugar que acho encantador. E esses churros e o chocolate... ai, isso é sempre uma das minhas perdições nas vezes que vou a algum sitio de Espanha!
Beijo grande

Tozé Franco disse...

Olá Capriccio.
É o terceiro ano que vou com eles e fi-lo sempre com muito gosto. Sinto-me em boa companhia.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Sei Que Existes.
Toda a Galiza vale a pena. Pelas paisagens, pelas praias e pela comida.
Um abraço.

Codinome Beija-Flor disse...

Que lindo tudo que vi aqui, vontade de provar desse chocolate e o churros.
Isso que é "Histórias e sabeores".
Abraços

Carlos Ponte disse...

"Mais uma vez os objectivos foram cumpridos, provando que é possível sair com alunos do 12.º ano para fazer coisas diferentes de Lloret del Mar."
Bem haja Tozé. Nem eu o estava a ver a guiar "carneirada" p'rós copos.
Imagine-os a comer ostras.
Um abraço

Tozé Franco disse...

Olá Beija-Flor.
Ainda bem que não fiz análises ao colestrol na segunda-feira.
Infelizmente, que é bom ou faz mal ou é pecado.
Um abraço.

Tozé Franco disse...

Olá Carlos Ponte.
Tenho dúvidas que em Lloret conseguissem acertar com as ostras na boca.
Um abraço.

gaivota disse...

aqui vim pela cordomar, e gostei!que bom ir a coruña, tudo isso que nos mostras... as ostras aí mesmo!, vamos aí quase todos os setembros, mas por haver torneios de hoquei em patins em vigo e esses petiscos são sempre de confraternizar....
beijinhos

Tozé Franco disse...

Olá Gaivota.
Seja pelo Hoquei ou por outra coisa qualquer, todos os moivos são bons para ir à Galiza.
Um abraço.

world soul disse...

Que interessante lugar!!! Quero conhecê-lo!

Já estou de volta do Chile, se gostares de vinho, tem um roteiro das melhores vinícolas chilenas no Viaggio Mondo, depois dá uma conferida lá!

Grande abraço,

GK disse...

Aqui tb já fui. :)
Fiquei numa praia paradisíaca já fora do centro com o nome da santa Cruz.
:)
Muito bom!